segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Presidente da Infraero em Londrina.

Conforme já anunciado pelo LDB Spotter, o Presidente da Infraero, Sr. Murilo Marques Barboza, estará em Londrina nesta terça feira para uma visita ao nosso Aeroporto e se encontrará com o Prefeito Barbosa Neto. Durante a visita será assinado um termo de cooperação para a execução de diversas melhorias no Aeroporto. Realmente o Aeroporto Gov José Richa tem chamado a atenção da estatal. Vamos aguardar maiores novidades!!!!!!
http://www.odiario.com/londrina/noticia/379440/acordo-de-cooperacao-preve-ils-no-aeroporto-de-londrina.html

7 comentários:

LuisUEL disse...

Com a Copa do Mundo em 2014 e Olímpiadas em 2016, e também por causa destes eventos, mas não por exclusividade, o Brasil necessita de urgentes melhorias em todo o modal aéreo. Em nossa casa, LDB, necessitamos melhorias, i.e, além das que foram anunciadas, e.g.: Troca de todo o sistema de balizamento noturno das pistas principal e auxiliar com a implantação de luzes de alta intensidade ao logo do eixo e, luzes na marcação da área de toque; reforço estrutural das mesmas aumentando seu PCN para algo próximo ao de IGU, em torno de 51 ou mais; saídas rápidas da pista principal para a auxiliar; homologação da pista auxiliar para aeronaves WideBodies, para em caso de necessidade de interdição da pista principal a auxiliar venha a ser utilizada como principal, evitando que as aeronaves se utilizem de outros aeroportos alternativos e que estão na proximidades de LDB; instalação de radar meteriológico para a região norte/noroeste do PR - sul/sudoeste de SP; radar de navegação e aproximação; implantação de GPS-D para aproximações 0 teto, mais preciso que o ILS-3/C e mais barato, tmb. além de ter raio de ação de 60milhas náuticas, auxiliando os aeroportos abrangidos por este raio de ação, inclusive MGF; instalação de 2 ou 3 pontes de embarque/desembarque; implantação de transporte (ônibus adaptado para cadeirante, inclusive com plataforma plantografica para acesso facilitado as aeronaves) para estacionamento remoto; Fomento, agressivo, por parte das autoridades competentes para viabilidade de modal cargueiro, transnacional em primeiro momento e regional mercosul em segundo momento, américas em terceiro momento e europa/ásia posteriormente, com a criação/contratação de agência de fomento/estudo/viabilidade público/privado, para divulgação das atividades e produtos da região que podem ser transacionados via aérea a partir de LDB (animais reprodutores elite (equinos/bovinos, produtos alimentícios, eletrônicos, metal mecanicos, etc...) e tmb. para LDB. Isto é apenas um FLASH das ideias e oportunidades da globalização e que podemos usufruir e até mesmo auferir ganhos, toda a sociedade. Abraços.

Anônimo disse...

qual é a pista auxiliar de LDB?

LuisUEL disse...

Segundo o ROTAER LDB tem duas pista de pousos/decolagens, sendo uma principal 13 x 31 e a outra 13L x 31R, que a de taxi que numa eventual indisponibilidade da principal pode ser utilizada, atualmente, com aeronaves do porte do EMB-120 (Brasília). O PCN é o mesmo da principal 43, somente a largura é menor, i.e, 23 metros.

Anônimo disse...

interessante.... não sabia disso...

eu vi um NOTAM recentemente que falava sobre o fechamneto dela segue ai

04/08/10 01:35 - 28/01/11 03:59
RWY EVENTUAL 13L/31R (TWY ECHO) CLSD PARA LDG/TKOF DEVIDO RISCO
OPS
AEREAS
REF: ROTAER 3-L)

só que eu nunca tinha visto uma aeronave pousando nela...

LuisUEL disse...

Sim, possível CLSD para a auxiliar, mas com o provável alongamento da pista principal, a auxiliar também será alongada em seu eixo até a nova cabeceira 31, portanto, ela terá a mesma extensão da principal. Com a desativação do lixão e, também, com a desapropriação dos terrenos próximos e ao longo da pista, possivelmente, a auxiliar poderá ser novamente CLRD para pousos e decolagens e melhor se aumentarem o PCN tanto dela como da principal. Outros aeroportos também possuem pistas auxilires para pouso/decolagem, e.g, POA.

Anônimo disse...

legal... mas nunca vi ela em uso... ela só é utilizada quando a 13/31 não estão em uso ou podem ser utilizadas quando requisitado?

outros aeroportos que eu descobri que se utiliza são : Brasilia, Galeão,Campinas, Campo Grande, Goiânia.

LuisUEL disse...

Bom dia!
Também não. Acredito que seja em última necessidade. Em casos críticos e hiperemergenciais. Mas também não podemos deixar esta oportunidade escapar. Não é que não é utilizada que não podemos ter uma pista auxiliar homologada e pronta para ser utilizada a qualquer momento. Por isso elevar as condições da mesma para ser utilizada por qualquer aeronave que se utilize de LDB sem a necessidade de se utilizar outros aeródromos alternativos e próximos.